Substantivo biforme e uniforme

Publicado em 19 julho, 2014 / Atualizado em 6 de outubro de 2014

Conheça quais são os substantivos biformes e uniformes e como utilizá-los

Os substantivos são palavras que dão nome a todas as coisas que conhecemos. Carro, João, alegria, escola são exemplos de substantivos. Eles dão nome às pessoas, seres, objetivos, sentimentos etc.

Como se percebe, a quantidade de substantivos é bastante grande, por esse motivo, é importante classificá-los de acordo com suas características e usos.

Existem diversas classificações para os subjetivos. Quando se trata de distinção de gênero (masculino ou feminino), podemos classificá-los, quanto a sua forma, em substantivos uniformes e substantivos biformes.

Substantivos uniformes

Os substantivos uniformes são aqueles que apresentam a mesma forma (mesma escrita) tanto para masculino quanto para feminino. Eles ainda podem ser classificados em substantivo sobrecomum, comum-de-dois e epiceno.

As melhores apostilas para concurso público, conheça: Apostilas Opção.

Sobrecomum – utilizam a mesma forma e o mesmo artigo tanto para masculino quanto feminino. Neste caso, a distinção entre os gêneros se dará de acordo com o contexto.

Exemplos: a criança, a vítima, o líder, o gênio, o indivíduo.

Comum-de-dois – possuem a mesma forma, a distinção entre os gêneros é feita com a utilização de artigos.

Exemplos: o paciente/a paciente, o artista/a artista, o gerente/a gerente, o camelô/a camelô

Substantivos epicenos – são utilizados para a distinção de gêneros dos animais, possuem o mesmo artigo para ambos os casos. A distinção ocorre através da adição da expressão macho e fêmea.

Exemplos: o escorpião macho/fêmea, a girafa macho/fêmea, o tatu macho/fêmea

Substantivos biformes

Os substantivos biformes apresentam formas diferente para designar seres masculinos dos femininos, contudo, possuem o mesmo radical.

Exemplo: juiz/juíza, menino/menina, nadador/nadadora