Dica para economizar nas compras de supermercado

Publicado em 25 março, 2013 / Atualizado em 1 de fevereiro de 2016

Comprar alguns produtos no atacado pode ser solução para economizar dinheiro com as compras do mês

Um orçamento familiar é composto por diversos itens, que podem ser divididos em diversas categorias.

Lazer, saúde, vestuário, água e luz são exemplos de contas que compõem o orçamento mensal de praticamente toda família. Além destes citados, um dos gastos mais importantes, e também um dos que abocanham grande parte do salário do brasileiro, são as compras de supermercado.

Se um orçamento familiar está alto, pode-se tirar TV por assinatura, mudar o plano de internet para um de menor velocidade, trocar carro de luxo por um popular, diminuir a quantidade de passeios etc. No entanto, quando o assunto é alimentação, a coisa fica mais complicada, afinal de contas não pode viver sem comer.

Por esse motivo, pelo fato de as compras de alimentos serem necessárias e feitas com frequência, seja semanal ou mensalmente, é importante o consumidor buscar meios para economizar. Além da alimentação, os produtos de limpeza e higiene também tem lugar garantido no carrinho de compras.

Supermercado

Há quem prefira fazer compras no supermercado toda semana, enquanto há pessoas que preferem comprar todo mês. Independente da frequência com a qual as compras são feitas, o importante é gastar menos comprando a mesma quantidade de produtos.

[related_posts]

Como gastar menos com as compras

Uma maneira interessante de economizar é comprar em atacados. Como os supermercados e mercadinhos de bairro compram nos atacados para repassar para os consumidores, isso significa que eles compram por um preço menor, porém em grande quantidade. E isso também pode ser feito pelo consumidor final.

Como os atacados vendem os produtos em maior quantidade, em caixas ou fardos, o valor unitário de cada produto sai mais barato.

Por exemplo:

Se 1 quilo de feijão custar R$ 5,50. No atacado, comprando trinta quilos de vez, o valor unitário pode sair por R$ 4,50. somente neste simples exemplo é possível economizar R$ 30,00. Ou seja, se em trinta dias é consumidor 15 quilos de feijão, é mais vantajoso comprar logo trinta quilos de vez e ficar dois meses sem comprar, assim é possível economizar trinta reais só com o feijão.

O mesmo pode ser feito com arroz, macarrão etc. Além de produtos de higiene e limpeza como sabonetes, sabão em pó, detergente de prato, amaciante, água sanitária, dentre outros.

Como são produtos que vão ser comprados sempre, comprar em quantidade é uma maneira inteligente de economizar dinheiro com as compras.

Cuidado com o prazo de validade.

Apesar das vantagens de comprar em atacado, o consumidor que escolher fazer suas compras dessa maneira deve ficar atento a um ponto importante: o prazo de validade dos produtos. É importante calcular o consumo médio mensal, o total comprado e o prazo de validade do produto.

Por exemplo:

Se em três meses são consumidos 45 quilos de feijão, e o prazo de validade a partir da data de compra for de 6 meses, o consumidor poderá comprar os 45 quilos sem se preocupar com o risco de o produto vencer o prazo de validade antes de ser todo consumido.

Os itens de alimentação são os que merecem mais atenção quanto ao prazo de validade, pois existem alguns que possuem um prazo de validade mais curto. Contudo não são todos. Os produtos não perecíveis, por terem prazo de validade mais longo, são ótimos para serem comprados em grande quantidade.

O produtos de higiene e limpeza costumam ter prazos de validade mais longos, o que garante mais segurança aos consumidores, que correrão menos risco de deixar os produtos estragarem na dispensa.

Conclusão

Em tempos em que tudo está cada vez mais caro, buscar alternativas para economizar com gastos fixos e recorrentes é uma solução para fazer o dinheiro render e sobrar no final do mês. Por esse motivo, a compra em atacado pode ser considerada uma boa opção.