Como pagar documento parcelado do carro no caixa eletrônico

Publicado em 7 março, 2014 / Atualizado em 19 de março de 2014

Confira como fazer o pagamento parcelado do IPVA do seu veículo pelo caixa eletrônico do banco

Os caixas eletrônicos são úteis não apenas para fazer a movimentação de contas correntes ou poupança, como os depósitos e transferências, por exemplo. Hoje, a maioria dos bancos disponibiliza aos seus clientes um serviço para o pagamento de contas e boletos diretamente pelo autoatendimento, sendo necessário, claro, que exista saldo suficiente na conta.

Além de contas de consumo (água, luz etc) e boletos diversos, também é possível pagar os tributos referentes à propriedade de veículos automotores, como carros, motos, caminhões etc., inclusive fazendo parcelamento. Bastando ter em mãos o número do RENAVAM do veículo.

O parcelamento do IPVA é uma maneira de aliviar o bolso do brasileiro no momento de quitar ses débitos referentes ao seu veículo.

De maneira geral, o procedimento para efetuar o pagamento do documento do carro no caixa eletrônico é bastante semelhante aos demais pagamentos. Contudo, podem surgir dúvidas quando o pagamento da documentação do veículo será feito parcelado.

Isso pode acontecer porque o seguro obrigatório e o licenciamento não podem ser parcelados, apenas o pagamento do IPVA é que pode ser parcelado em três vezes. Diante dessa situação, muitos donos de veículos ficam em dúvidas sobre como deve ser feito o pagamento quando o IPVA será parcelado.

Feirão de carros seminovos

Abaixo confira algumas dicas de como fazer o pagamento parcelado dos débitos de seu veículo. Vale lembrar que alguns pontos podem variar de acordo com o banco ou com o estado do contribuinte.

Parcelando o IPVA

Logo no início do ano, os DETRANs divulgam as datas limites para a concessão de desconto, para o pagamento total e também para o pagamento parcelado. Por isso é importante consultar a situação do veículo no site do DETRAN do seu estado para ficar sabendo das datas.

[related_posts]

Como dissemos, apenas o IPVA é que pode ser parcelado. O seguro obrigatório e o licenciamento devem ser pagos integralmente. Quando se parcela o IPVA em três vezes, a última parcela soma-se ao licenciamento e ao seguro obrigatório. Por isso é bom ficar esperto para não acabar esquecendo que eles deverão ser pagos juntamente com a última parcela do IPVA.

Se você optar pelo parcelamento do IPVA, lembre-se: no primeiro mês, vá ao bando e pague a primeira parcela do IPVA. No segundo mês, pague a segunda parcela. No terceiro mês, pague a terceira parcela do IPVA, o seguro obrigatório e o licenciamento.

Atenção: se você não pagar a primeira parcela até a data limite para pagamento, o parcelamento  deixará de existir, e os débitos do seu veículo deverão ser pagos de uma só vez.

Importante

Essas dicas têm o objetivo apenas de orientar, de maneira geral, como sobre como é feito o pagamento da documentação do veículo pelo caixa eletrônico dos bancos. Não pudemos entrar em detalhes porque as operações necessárias podem variar de  estado para estado e de banco para banco.