Como descobrir o endereço de uma URL encurtada

Publicado em

Descubra o endereço que foi encurtado antes de clicar no link

Devido ao surgimento do Twitter, e principalmente à sua limitação de caracteres nas mensagens, a utilização dos encurtadores de URLs se tornou cada vez mais comum. Como o sistema de microblog só permite mensagens com até 140 caracteres, desperdiçar grande parte deles com um endereço (URL) não é uma boa ideia, pois o conteúdo da mensagem seria comprometido por causa da falta de espaço.

Mas o que é uma URL encurtada? Se você ainda não sabe o que é, confira um exemplo abaixo.

URL normal: http://www.gigaconteudo.com

URL encurtada: http://migre.me/7T884 (aqui utilizamos o migre.me, mas existem muitos outros encurtadores de URL)

Visite os endereços acima, e perceba que ambos te levam para o mesmo lugar. É interessante usar essa técnica, pois faz com que o endereço fique bastante pequeno, ideal para postar no Twitter. Além disso, os encurtadores de URL também são usados para evitar que uma determinada página seja linkada diretamente numa outra página.

O problema é que URLs encurtadas podem oferecer riscos ao visitantes dos links. Na verdade, o risco está na página que teve a URL encurtada, que teve seu endereço escondido. Imagine que algum cracker criou uma página para espalhar vírus, e saiu distribuindo links por toda a internet dizendo que a página de destino (do URL encurtado) é uma página interessante e útil, como páginas de bancos, de órgãos do governo etc. Muitas pessoas clicarão para conferir o link oferecido, e acabarão tendo seu computador contaminado por alguma praga virtual.

Isso pode acontecer porque muitas pessoas não sabem que é possível descobrir qual o endereço de uma URL encurtada, e assim ter conhecimento dos possíveis riscos que envolvem a visita à página. Se você recebeu no e-mail, ou encontrou em algum site ou fórum um link cuja URL foi encurtada, e você não tem certeza sobre a idoneidade de tais páginas, é importante conferir o endereço original antes de clicar no link encurtado.

Como descobrir o endereço de uma URL encurtada

Os principais encurtadores de URL (como o goo.gl, migre.me, bit.ly, dentre outros) adotaram um método para que o usuário possa conferir o link original antes de visitar a página. Para isso, basta adicionar um sinal de adição “+” no final da URL. Por exemplo:

A seguinte o URL encurtada direciona para a home do meu blog: http://migre.me/7T884

Para conferir se ela realmente direciona para o meu blog, basta colocar o sinal de adição no final. Confira: http://migre.me/7T884+

Em vez de ser direcionado para o endereço encurtado, você irá para uma página do próprio encurtador, onde estarão disponíveis diversas informações, como endereço original, quantidade de cliques dados, data e hora em foi criado, quantos retweets teve, quantos likes no Facebook teve etc. Essas informações variam de acordo com o encurtador utilizado.

No entanto, alguns encurtadores não oferecem esse recurso, como é o caso do TinyURL. Nestes casos, recomendo a utilização do URL-Xray, que é um serviço online e grátis que revela o endereço de URLs que foram encurtadas.

Então fica a dica. Se você está desconfiado de alguma URL encurtada, verifique o endereço original antes de clicar no link.

Compartilhe: