Como achar o tempo numa aplicação a juros simples

Publicado em

Aprenda a calcular o tempo (n) em aplicações a juros simples

Período é como também é chamado total de tempo de uma aplicação ou empréstimo. E, na capitalização simples, ou juros simples, multiplicamos a taxa de juros pelo tempo, para a partir daí calcularmos o montante.  Dando continuidade à série de posts sobre calculos de juros, iniciando com juros simples, hoje vamos mostrar como descobrir o tempo de aplicação necessário para alcançar um determinado valor aplicado a juros simples. Ou seja, a partir do valor inicial, do montante e da taxa de juros, vamos descobrir por quanto tempo o dinheiro deverá ser aplicado.

Esse cálculo é bastante interessante quando queremos alcançar um determinado valor, mas não sabemos quanto tempo temos que esperar para que ele seja alcançado.Lembrando que estamos tratando aqui de juros simples. Vamos lá!

Fórmula para encontrar o tempo (n):

 

Fórmula para achar tempo no juros simples

Onde:

j = é o juro

VP = valor presente

i = a taxa de juros

n = é o tempo ou período que desejamos encontrar

 

Como a melhor maneira de aprender é praticando. Vamos resolver uma questão onde será pedido o tempo de uma determinada aplicação. Essa questão é apenas um exemplo, e não representa, possivelmente, aplicações que existam na realidade.

Leia mais:

Exemplo: Pedro possui R$ 3.200,00 aplicados a juros simples, e precisa de R$ 3.500,00 para comprar um novo aparelho de televisão. Ele pretende deixar o dinheiro lá até que, com o rendimento do investimento, consiga atingir o montante de R$ 3.500,00. Por quanto tempo Pedro deve deixar o dinheiro aplicado? Considerando que em todos os meses o rendimento será de 0,6%, e sem considerar inflação ou qualquer outro fator.

Informações:

VP = 3200

VF = 3500

j = 300

i = 0,6% = 0,006

n = ?

Fazendo o cálculo:

Calculando tempo com juros simples

Resposta: o tempo necessário para alcançar o montante desejado é de 15,625 meses.

Com esse simples cálculo encontramos o tempo necessário para alcançar o montante desejado.

Dica: perceba que para realizar esse cálculo, basta dividir o juro pelo valor presente multiplicado pela taxa de juros. Se quisermos achar a taxa de juros, basta substituir i por n, ou seja, dividir o juro pelo valor presente multiplicado pelo tempo.


Compartilhe: