Colchão de espuma, látex, caixa ortopédica e de mola, informações

Publicado em 2 setembro, 2012

Informações que o ajudarão a escolher o melhor tipo de colchão para seu biotipo

Apesar de a maioria das pessoas não dar muita importância para o tipo de colchão que usa, é importante ficar sabendo que há modelos específicos de colchão para cada pessoa, de acordo com a idade e com o corpo, dentre outras características, ou seja, de acordo com o biotipo de cada um. Utilizar um colchão inadequado para seu biotipo de trazer diversas complicações como problemas na coluna e má qualidade do sono, por exemplo.

Outro ponto a ser lembrado é que, em média, passamos cerca de oito horas por dia sobre eles. Em outras palavras, passamos um terço da vida sobre o colchão, sendo assim, é fácil perceber que devemos ter atenção e cuidado na hora de escolher o melhor e mais adequado para a nossa realidade.

Colchão brancoBasicamente existem quatro tipos de colchões, o de espuma, de mola, caixa ortopédica e o de látex, cada um com suas características específicas, assim como preços. Antes de tudo, devemos ter em mente que todo e qualquer tipo de colchão deve apresentar propriedades ortopédicas (colchões ortopédicos), que é a capacidade de moldar de acordo com o corpo da pessoa, fazendo com que sua coluna fique reta, sem apresentar curvaturas.

Os colchões de espuma e látex apresentam algumas semelhanças, principalmente na forma de indicação para cada biotipo. Nestes colchões, para se determinar qual é o ideal para cada pessoas, é consultada uma tabela de densidade, que leva em consideração a altura e o peso da pessoa.

Nos colchões de molas podemos perceber dois tipos diferentes, os de molas bicônicas e os de molas pocket. Os colchões de molas bicónicas apresentam uma resistência progressiva, funcional como um feixe de molas. Ou seja, a resistência do colchão será sempre proporcional ao peso da pessoa. Já nos colchões de molas pocket as molas são individuais, independentes. Com isso, quando uma parte do corpo pressiona uma determinada área do colchão, as demais não sofrem deformação, ficam estabilizadas.

Para a venda dos colchões do tipo caixa ortopédica também é utilizada uma tabela para determinar qual o a densidade mais indicada para cada indivíduo. No entanto, todos devem ter as seguintes características: possuir no mínimo 3 cm de espessura na camada de espuma e no máximo 8 cm, isso garantirá que o corpo afunde nas devidas proporções para garantir a anatomia durante o sono.

Existem também os colchões magnéticos, que prometem melhorar a qualidade do sono e promover uma melhor circulação sanguínea, mas esses são menos comuns e mais caros.

Em todo caso, é recomendável a visita a um profissional que o ajudará a escolher o colchão mais adequado ao seu tipo físico. Normalmente as lojas especializadas possuem um profissional para orientar seus clientes.