Cartão de crédito com limite baixo ajuda a controlar os gastos

Publicado em 6 março, 2013 / Atualizado em 11 de abril de 2013

Para quem não consegue controlar os gastos, ter cartão de crédito como limite baixo ajuda a comprar menos

O cartão de crédito oferece aos consumidores facilidade para comprar, da mesma maneira que oferece também facilidade para se enrolar financeiramente, caso sua utilização não seja feita de maneira controlada e consciente.

Uma das principais queixas feitas pelos consumidores é com relação ao valor do limite do cartão de crédito. Geralmente, as pessoas gostariam ou desejam ter cartões com limites altos, que os possibilite fazer compras de produtos mais caros. Por esse motivo, uma das principais dúvidas dos consumidores é como aumentar o limite do seu cartão.

A depender da necessidade de cada um, ter um aumento no valor do limite do cartão pode ser interessante. Contudo, em alguns casos, é melhor possuir um cartão de crédito com limite baixo, principalmente para as pessoas que não conseguem se controlar com os gastos, que compram por impulso, sem calcular se o total da fatura vai caber no orçamento ou não.

[related_posts]

Ao contrario do que muitos possam imaginar, ter um cartão de crédito com limite pequeno pode ser a solução para não cair no rotativo do cartão e gastar apenas aquilo que foi programado no planejamento dos gastos familiares ou pessoais. Essa pode ser a solução mais adequada, já que a maioria das pessoas só param de comprar depois que o limite do cartão estoura.

No entanto, ter somente um cartão e com limite baixo pode deixar o consumidor numa situação delicada em situações inesperadas.

Como ter apenas um cartão com limite baixo é bom para controlar os gastos, e ao mesmo tempo pode deixar o consumidor na mão quando realmente precisar comprar algo mais caro, a saída, então, é ter dois cartões, um com limite baixo e outro com limite mais alto.

E para evitar a tentação das compras por impulso, deixar o cartão que possui limite alto guardado em casa, para ser usado apenas em caso de emergência e deixar na carteira aquele com limite mais baixo. Com isso, você poderá ficar mais tranquilo, pois saberá qual  será o valor máximo possível da fatura.